..
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Cidades | Turismo »

Brasília recebeu a melhor avaliação dos turistas da Copa do Mundo

Saíram na frente quesitos como segurança pública e limpeza urbana; capital também é a que tem maior intenção de retorno

Agência Brasília - Redação Publicação:14/08/2014 09:00Atualização:14/08/2014 09:42
Na opinião dos turistas estrangeiros, Brasília foi a melhor cidade-sede da Copa do Mundo. A capital federal foi considerada a mais segura e limpa entre as 12 capitais onde o Mundial foi realizado, de acordo com pesquisa realizada pelo Ministério do Turismo. O Estádio Nacional Mané Garrincha também se destacou como uma das três arenas mais bem avaliadas do país.

Monumentos de Brasília encantaram turistas (Ed Alves/CB/DA Press)
Monumentos de Brasília encantaram turistas
O resultado de todas essas avaliações positivas se revelou em mais uma liderança para Brasília na pesquisa: a de cidade com a mais alta taxa de intenção de retorno de estrangeiros: 96,3% dos turistas que passaram por aqui declararam o desejo de retornar um dia.

Um deles é o empresário alemão Thomas Broun, 36 anos. Ele veio ao Brasil para assistir à final da Copa do Mundo no Rio de Janeiro, mas aproveitou as horas de conexão no aeroporto para conhecer os principais monumentos de Oscar Niemeyer.

"Fiquei impressionado. Nunca havia visto nada parecido", elogiou. A estadia foi breve, suficiente, no entanto, para despertar a vontade de retornar à capital com a família. "Quero conhecer Brasília com tempo", garantiu.

Brasília também se destacou nacionalmente por outras qualidades. A capital federal teve, por exemplo, a maior aprovação dos turistas estrangeiros em relação à segurança pública (97,8%) e à limpeza pública (97,6%). "Levei, inclusive, meus dois filhos pequenos ao estádio porque percebi que, em Brasília, os jogos estavam sendo muito seguros", revelou a cabelereira colombiana Carol Estrebo, que veio com a família assistir à atuação da seleção de seu país.

TOP 3 – O Estádio Mané Garrincha – palco de 7 jogos do Mundial, incluindo a decisão do 3º lugar – também agradou bastante os turistas estrangeiros. A arena brasiliense ficou entre as três mais bem avaliadas da Copa do Mundo, com 99,3% de aprovação, ao lado do Mineirão, em Belo Horizonte, e do Castelão, em Fortaleza.

Para o secretário-extraordinário da Copa, Claudio Monteiro, o Mundial representou uma oportunidade histórica para o desenvolvimento do turismo na capital. "É fundamental para a cidade termos essa indústria limpa, que gera empregos e que gera impactos em toda a cadeia do setor de Serviços da economia", disse.

A vinda de grande número de visitantes estrangeiros gerou impacto significativo na economia da cidade. De acordo com o secretário de Turismo do DF, Luis Otávio Neves, o turista que veio para a Copa do Mundo se mostrou diferenciado. "Eles gastaram o dobro do que normalmente se espera de alguém que esteja viajando a lazer", detalhou. Para ele, o fato de sediar um megaevento representou um marco histórico para o DF. "A capital entrou no eixo do turismo brasileiro e internacional, e já começamos a colher os frutos disso", comentou.
COMENTÁRIOS
Os comentários estão sob a responsabilidade do autor.

EDIÇÃO 55 | Julho de 2017