..
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Você concorda com a proibição das propagandas de cerveja?

Campanha Cerveja Também é Álcool quer restringir a divulgação da bebida

Vinícius Andrade - Redação Publicação:21/09/2016 15:59Atualização:21/09/2016 16:05
Iniciativa quer regular peças publicitárias com a bebida (Little Images/Stocksnap)
Iniciativa quer regular peças publicitárias com a bebida
As propagandas de bebidas alcoólicas são restritas no Brasil pela lei 9.294, de 1996. Elas só podem ser exibidas de 22h às 6h e não podem associar ser associadas a temas ligados ao sexo, esporte ou que introduzam uma ideia de bem-estar e saúde. Porém, o parágrafo único do artigo 1º restringe a medida às bebidas com teor alcoólico superior a 13º na escala de Gay-Lussac. Portanto, exclui a cerveja, tão consumida no país.

Para tentar reverter essa situação e colocar a "loira" no mesmo patamar das demais bebidas alcoólicas, como uísque, cachaça e vodca, por exemplo, o Ministério Público de São Paulo lançou, em 2013, a campanha Cerveja Também é Álcool. O objetivo é reunir 1,5 milhão de assinaturas para viabilizar a abertura de um projeto de lei de iniciativa popular, nos mesmos moldes da Ficha Limpa.

"Nossa luta não é contra a bebida. Entendemos que o estado não pode ser o indutor do consumo, admitindo, por meio das concessões de rádios e televisões, propagandas que mentem e iludem a população", diz parte do texto da campanha.

Silêncio

Procurado pela reportagem da Encontro, o Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária (Conar) preferiu não se manifestar sobre o assunto.
COMENTÁRIOS
Os comentários estão sob a responsabilidade do autor.

EDIÇÃO 55 | Julho de 2017