• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Vida digital »

O glamour dos games

Fred Bottrel - Colunista Publicação:31/10/2012 17:00Atualização:01/11/2012 15:54
No comando: a professora Carla Castanho, da UnB, reúne a turma que dá os primeiros passos no mercado de games em Brasília (Minervino Júnior/Encontro/DA Press)
No comando: a professora Carla Castanho, da UnB, reúne a turma que dá os primeiros passos no mercado de games em Brasília

“As pessoas acham que desenvolvimento de games é coisa de nerd. Mas a gente sabe que também pode ser uma coisa glamourosa, e uma possibilidade profissional concreta”, diz a professora Carla Castanho, diante de uma turma que desbrava o universo dos jogos digitais no Distrito Federal. Em uma sala da Universidade de Brasília (UnB), Encontro reuniu, além dela, profissionais do design, programação e música que, juntos, arriscam os primeiros passos no mercado de games. Os desafios, oportunidades e estratégias desse pessoal estão agitados este mês: Brasília recebe, pela primeira vez, o SBGames, principal simpósio e feira dedicados ao gênero no país.

Ânimos e ideias em alta entre os dias 2 e 4 de novembro, pois, além de reunir a indústria nacional de games, o evento atrai atenção de caça-talentos, como os olheiros da Wooga Games. Profissionais da empresa alemã, referência nos jogos sociais para o Facebook, vêm recrutar jovens profissionais de programação e design. Enquanto isso, a turma de Brasília esbanja criatividade e apresenta novidades que se concentram, em grande parte, em jogos mobile – aqueles feitos para celulares e tablets (confira exemplos abaixo). Advergames (para publicidade) e jogos educacionais também estão em alta por aqui.

Para quem pensa que eles levam a vida na brincadeira, vale conferir o contrário na feira, que acontece no Centro de Convenções Ulysses Guimarães.

Para brincar no telefone

Alguns dos games criados na capital federal para plataformas móveis

Goat'em Up
O que é: nesse game mobile, da Balance Inc, o jogador manipula um bode que ganha potência em uma corrida para derrubar um cantor irritante.
Onde: App Store

Mexa-se
O que é: o jogo transpõe para tablets e celulares
o clássico Imagem em Ação. Criado pela Firasoft, não dispensa o encontro real com os amigos.
Onde: App Store e Google Play

What a hell
O que é: o protagonista do jogo da Ludus Games é um cachorro azul do cabelo arrepiado, que precisa escapar de um cativeiro sombrio.
Onde: App Store e Google Play

Kinghts of pen & paper
O que é: inspirado no universo de um RPG medieval, o jogo da Behold tem o visual retrô do primórdio dos games.
Onde: App Store, Google Play e plataforma web.

Teste Encontro

 (Divulgação)

Adeus aos fios

A Samsung Smart Camera WB80F tem conectividade wi-fi. Isso mesmo: você acha uma rede sem fio, conecta o brinquedo à internet e sobe as fotos, por e-mail ou diretamente para o Facebook ou Flickr. Vídeos direto para o Youtube, tipo num passe de mágica. Em nossos testes, funcionou até em hotspots públicos. A vantagem disso para os aplicativos de celular, por exemplo, é a resolução e qualidade das imagens (está para surgir o celular que tem zoom ótico de 21 vezes). A desvantagem: a interface para fazer os uploads lembra os sofridos primórdios da internet WAP, uma vez que a tela não é touch, e tudo tem de ser controlado pelos botões de navegação de menu. De qualquer forma, a praticidade de dispensar cabos e intermináveis sessões de “descarregar” as fotos vale a brincadeira.

8GB de memória

16.2 megapixels
Zoom ótico de 21 x
GPS com mapa
Tela Amoled de 3 polegadas
Fotos em panorama
samsung.com/br/smartcamera

 (Divulgação)

O Google TV chegou

Lançado há dois anos nos EUA, o aparelhinho que leva internet para a TV, do Google, chega agora ao Brasil. A preço sugerido de R$ 900, o Internet Player Sony permite navegar na web usando o televisor. O melhor são os vídeos on-line, em full HD, na tela mais nobre da casa.

Tem que baixar

Panorama de primeira

Fotos em até 360 graus nunca foram tão fáceis de fazer.
O Dermandar conta com
rede social própria, de onde
é possível extrair os códigos
de programação e colocar
as fotos no seu blog ou site.
App Store
US$ 1,99

Personal no celular

O RunKeeper, aplicação que já foi baixada mais de 10 milhões de vezes, registra as atividades físicas e ainda dá dicas
de treino, falando no seu
ouvido. Mede estatísticas
e dita o progresso do treino.
App Store e Google Play
Gratuito

Câmeras na mão

O #TrânsitoAoVivo exibe
imagens de câmeras que
monitoram o trânsito
no Distrito Federal. Eixo
Monumental, W3, Eixão
Norte, BR-020, Estrutural e EPTG estão na palma da mão.
App Store e Google Play
Gratuito

COMENTÁRIOS
Os comentários estão sob a responsabilidade do autor.

EDIÇÃO 57 | Setembro de 2017