..
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Onde a noite acontece: Bamboa é escolhida como Melhor Balada do Distrito Federal

Encontro Gastrô - O Melhor de Brasília 2017 concedeu o prêmio para a casa de shows

Da redação - Redação Publicação:25/09/2017 16:35

Nascida em Rio Verde (Goiás), a empresária Ione de Paiva Martins, de 48 anos, mudou-se para Brasília há 15, para trabalhar em uma tradicional churrascaria da cidade. Bastaram mais quatro anos para realizar o sonho de ter a própria casa noturna. Nascia, assim, a Roda do Chopp (hoje Roda Show Bar), no Núcleo Bandeirante. No entanto, os planos da goiana eram audaciosos. Eles se concretizaram em 2015, quando a Bamboa foi inaugurada. Foram quatro anos de obras e a demora se justifica pelos números superlativos. São mais de 2,6 mil m² de área construída em um terreno de 10 mil m², no Setor Hípico, com nove lounges, bares temáticos, pista, camarote, sushibar. Para dar conta da suntuosa empreitada, Ione conta com a parceria da irmã, Luzia Martins, que veio de Goiás reforçar as trincheiras.

 (Shodo Yassunaga/Divulgação)
 

A casa de shows tem capacidade para receber 3 mil pessoas e não é raro atingir a lotação máxima. A programação musical quase diária é intensa e passeia do pop ao funk com facilidade, embora o sertanejo ainda domine os palcos e pick-ups dos DJs. “A Bamboa é frequentada por deputados, ministros, juízes, delegados e socialites, mas também por jovens que estão começando a vida e por muitas famílias”, comemora Ione.

A goiana Ione Martins fundou 
a casa noturna em 2015, depois 
de quatro anos de obras: 
números superlativos  (Raimundo Sampaio/Esp. Encontro/DA Press)
A goiana Ione Martins fundou a casa noturna em 2015, depois de quatro anos de obras: números superlativos
 

O último perfil de público passou a visitar a casa com mais frequência desde o ano passado, quando foi aberta a Bamboa Cozinha de Bar, restaurante com direito à brinquedoteca. Quando bate a fome, fazem sucesso as receitas para compartilhar, caso da porção com oito tulipas de coxinha da asa e molho barbecue (R$ 32,90). Para bebericar, bons drinques, uísques, espumantes e chope.

Um dos drinques que compõem a carta de bebidas 
da Bamboa: o Tropical Gin leva gin, energético e laranja (Raimundo Sampaio/Esp. Encontro/DA Press)
Um dos drinques que compõem a carta de bebidas da Bamboa: o Tropical Gin leva gin, energético e laranja
 

COMENTÁRIOS
Os comentários estão sob a responsabilidade do autor.

EDIÇÃO 58 | outubro de 2017