..
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

ENCONTRO GASTRÔ | 2017 »

Experiência completa: L'Entrecôte de Paris é escolhido como Melhor Restaurante Francês

Com decoração intimista, restaurante foi o vencedor da categoria na premiação Encontro Gastrô - O Melhor de Brasília 2017

Da redação - Redação Publicação:26/09/2017 14:40Atualização:26/09/2017 15:08

Contrafilé bovino à moda francesa com mostarda dijon 
e batatas sequinhas: o prato que é a cara do restaurante (Raimundo Sampaio/Esp. Encontro/DA Press)
Contrafilé bovino à moda francesa com mostarda dijon e batatas sequinhas: o prato que é a cara do restaurante
 

No restaurante de decoração intimista, quem reina soberano é o meio do contrafilé bovino à moda francesa servido em diferentes gramaturas. O cliente escolhe o ponto da carne, ladeada por um molho secreto feito com 21 ingredientes (chamariz do restaurante, ele demora um dia e meio para ser preparado). O tamanho maior tem 230 g, e o menor, para crianças, tem até 110 g. Ambos são antecedidos por uma bem servida salada de alface, tomate-cereja, nozes e molho de mostarda dijon, e guarnecidos por batatas palito fritas e sequinhas, repostas à vontade como em um rodízio.  “Trouxemos a experiência completa para cá, do manobrista ao cafezinho”, conta o sócio Eduardo Coelho.

Os gêmeos Eduardo e Alexandre Coelho: eles não se contentaram 
em apenas repetir o modelo 
e deram uma reforçada 
no cardápio com a ajuda do pai (Raimundo Sampaio/Esp. Encontro/DA Press)
Os gêmeos Eduardo e Alexandre Coelho: eles não se contentaram em apenas repetir o modelo e deram uma reforçada no cardápio com a ajuda do pai
 

É na parte do cardápio voltada às sobremesas que a filial brasiliense pode reforçar a personalidade dos administradores, os gêmeos Eduardo e Alexandre Coelho, de 28 anos, que têm no pai, Fernando Coelho, a figura inspiradora. São 13 alternativas, do clássico crème brûlée (R$ 18,80) à curiosa surpresa de chocolate (R$ 24,40), uma esfera feita com o ingrediente queridinho nacional que derrete ao ser banhada com calda quente. O último doce foi uma ideia local que, de tão bem recebida, extrapolou as fronteiras do Quadradinho e hoje integra o menu de outras unidades. “Muitos processos que nosso pai aplicou no início do restaurante, há quatro anos, são usados em outras lojas do país”, orgulha-se Alexandre.

 (Raimundo Sampaio/Esp. Encontro/DA Press)
 

COMENTÁRIOS
Os comentários estão sob a responsabilidade do autor.

EDIÇÃO 58 | outubro de 2017