..
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

ESPECIAL NATAL | DECORAÇÃO »

No clima da festa: especialista fala sobre tendências de enfeites

Decorador explica como deixar a casa bonita para receber a família e reunir os amigos

Mariana Froes - Publicação:18/12/2018 11:19

O paulista Nardim Júnior, de 52 anos, é um nome conhecido da arquitetura e do urbanismo de Brasília. Nos últimos meses do ano, o profissional, dedicado a ambientar espaços residenciais e comerciais, tem se debruçado também em criações natalinas. Dono, há 15 anos, de uma loja de presentes e decoração na Asa Sul, Júnior transforma os 600 metros quadrados do espaço em um verdadeiro cartão de visitas para a ocasião. Trata-se de um dos locais mais enfeitados da cidade, com uma infinidade de itens natalinos como bonecos, arranjos, louças temáticas, árvores.

 

Formado em arquitetura pela Universidade de Brasília (UnB), Nardim Júnior conta ter uma ligação sentimental com o Natal e, por isso, viu a chance de transformar a paixão em negócio. Atualmente, além de comandar o funcionamento da loja, na 409 Sul, ele faz serviços personalizados para as festividades, como montagens de árvores e de ambientes residenciais. Entre os projetos mais marcantes da carreira, está a criação de uma árvore de 4 metros de altura dentro de um espelho de uma casa no Lago Sul. “A proposta ficou bem diferenciada. E, nesse tipo de trabalho, a dedicação é imprescindível, pois são horas de montagem”, explica.

O decorador Nardim Júnior o símbolo principal da ocasião continua sendo o pinheiro natalino  (Raimundo Sampaio/Esp. Encontro/DA Press)
O decorador Nardim Júnior o símbolo principal da ocasião continua sendo o pinheiro natalino
 

Nessa mesma residência, o arquiteto criou uma cidade natalina a partir de uma coleção de autoramas do dono. E ainda aproveitou a moderna fachada de vidro para fixar inúmeros Papais Noéis. Júnior, que optou por usar cores e os itens clássicos nessa proposta, explica que eles continuam tendo maior aceitação do público. “Não tem como errar no verde, no vermelho e no dourado. Mesmo com outras opções no mercado, essas são as que ainda mais agradam às pessoas”, diz. Oitenta por cento dos itens da loja de Nardim Júnior são tradicionais.

 

Para 2018, porém, o decorador destaca a forte presença das montagens rústicas, isto é, criações com menos brilho. Nesse contexto, destacam-se árvores em fibras naturais, artigos que usem cipó, fitas de linho, palha, além de bonecos em tons pastéis. “Esse tipo de decoração tem uma pegada mais brasileira e a saída está sendo melhor ano após ano”, argumenta Nardim. O decorador afirma que as pessoas têm montado – e apreciado – cada vez mais cedo o ambiente natalino. “Elas querem curtir por mais tempo a ocasião. E embora digam que fazem isso para agradar aos filhos e netos, percebo que os que mais se encantam são justamente os adultos.”

 

Com o Natal se aproximando, o especialista avalia que o movimento na loja dobrou nos últimos meses, independentemente do período de crise. Nardim Júnior calcula que as vendas já tenham superado o ano anterior. “As pessoas investem bem na apresentação da casa, e é algo bem importante para quem vai receber muitas pessoas”, diz. Entre os itens mais comprados no local estão velas, centros de mesas, bonecos e porta-guardanapos. 

'Não tem como errar no verde, no vermelho e no dourado. Mesmo com outras opções no mercado, essas são as cores que mais agradam às pessoas', diz o decorador Nardim Júnior (Raimundo Sampaio/Esp. Encontro/DA Press)
"Não tem como errar no verde, no vermelho e no dourado. Mesmo com outras opções no mercado, essas são as cores que mais agradam às pessoas", diz o decorador Nardim Júnior
 

Mesmo que o consumo dos brasilienses seja de itens com valor aquisitivo mais acessível, Nardim é categórico ao dizer que o símbolo principal da ocasião continua sendo o pinheiro natalino. Ele explica que, com o passar dos anos, as criações para árvores de Natal se transformaram, deixando a peça cada vez mais elegante. “Os enfeites são mais especializados, elaborados, ricos. Sem falar na variedade de lâmpadas de LED, que permitem inúmeras combinações”, completa. As bolas e os laços natalinos, para Nardim, são infalíveis na hora de decorar a árvore.

 

E, quando o assunto é o conjunto da obra, ou seja, o espaço residencial em si, o profissional não abre mão de guirlandas para portas e paredes, algo que, segundo ele, deixa o ambiente mais charmoso. Toalhas e arranjos de mesa, além de jogos americanos com inspiração na data, completam a composição. Uma das novidades deste ano na loja do decorador é um lustre de teto enfeitado para o Natal.

 

PARA ENFEITAR

Sugestões de Nardim Júnior de objetos natalinos que dão um charme à decoração

Taça Frizada (Raimundo Sampaio/Esp. Encontro/DA Press )
Taça Frizada
Ursa sentada com roupa xadrez (Raimundo Sampaio/Esp. Encontro/DA Press)
Ursa sentada com roupa xadrez
Papai Noel serrano (Raimundo Sampaio/Esp. Encontro/DA Press )
Papai Noel serrano
Guirlanda com vela vermelha (Raimundo Sampaio/Esp. Encontro/DA Press)
Guirlanda com vela vermelha
Guirlanda dourada (Raimundo Sampaio/Esp. Encontro/DA Press)
Guirlanda dourada
Trenzinho: cenário em movimento (Raimundo Sampaio/Esp. Encontro/DA Press)
Trenzinho: cenário em movimento
Presépio Saint (Raimundo Sampaio/Esp. Encontro/DA Press)
Presépio Saint
 

 

COMENTÁRIOS
Os comentários estão sob a responsabilidade do autor.

EDIÇÃO ESPECIAL | BRASILIENSES DE 2018